Perfil

0009wcqzNome: Isabel Silva

0009wcqzSigno: Aquário

0009wcqzCidade: S. João da Madeira

0009wcqzPais: Portugal

0009wcqzBanda preferida: U2

0009wcqzCor preferida: Azul,  preto,  verde

0009wcqzAnimal preferido: Golfinho

0009wcqzFrase preferida: As minhas palavras têm uma força poderosa saem do coração cheias de ternura...

0009wcqzGosto de: Namorar, navegar na net, sair com os maigos, viajar, fazer compras...

0009wcqzNão gosto de: Mentiras e gente falsa

0009wcqzSou: Simpática, extrovertida, sincera e frontal

Outubro 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
28
29
30
31

 

:::Para Colecionadores:::

Ainda dizem que os bancos...

Dica da Semana

Dica da Semana

É a tua vez...

Recordar

1 mês...

Somos Campeões!!!!

Campanha de Solidarieda f...

Campanha de Solidariedade

Verdes são os campos

Mais sobre mim...

Outubro 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Dezembro 2004

Novembro 2004

Outubro 2004

Setembro 2004


Simplesmente eu

A minha almofada

Os meus anjinhos

A lua e eu

Adoro golfinhos

Tartaruga lindaaaa

Eu de novo...


online









Azoriana Blog
Azoriana Blog


Singelas Palavras





An'arka







Image Hosted by ImageShack.us









Top Link


_estrelinha_


Ooº LiTtLe_AnGeL ºoO


****Lezillig****


Arqueólogo-Moura


Arte por um Canudo 2


Blog da Marie


Blog Ideal


Cantinho do Igor


Coura: Magazine


Histórias e Sabores


Lum4


Hi5 Pestinha_girl



Parada de Gonta


Someone


SweetCaroline








Ideias e Ideais

Política.TSF

Paraquedista


Piuzinha




Fotolog Nelxu


Kaska e Deskaska



Patricia Ran


Análises Substanciais



Viver Intensamente



Estou no Blog.com.pt



Prémio



Singelas Palavras















fh



Prémio dado por Azoriana


















Leva-me contigo




Leva o teu prémio




Presente Incertos Momentos



Escreve na areia aquilo que dás, grava sobre a rocha o que recebes!!!!!

Não chores porque acabou, sorri porque acontece.

Lembra-te! Tudo a quem acontece, acontece por uma razão.

Não deixes um engano estragar a tua vida.

Só deixarei de te amar quando um pintor conseguir desenhar o som de uma lágrima a cair...

Quando te conheci houve: um lugar, um momento e um sentimento... O lugar ficou marcado, o momento lembrado e o sentimento jamais esquecido!!!

Não se pode esquecer que para dar um grande salto para a frente é sempre preciso dar uma corridinha para trás!!!

Os verdadeiros amigos são como as estrelas, nem sempre os vês, mas estão sempre lá...

Sorri sempre, mesmo que o teu sorriso seja triste, porque mais triste ainda é a tristeza de não saber sorrir.

A vida é constituida de momentos, vive-os intensamente, pois estes não voltarão ou jamais se repetirão.

Sorri sempre para dares aqueles que te amam a certeza que és feliz e aqueles que te odeiam a infelicidade de te verem sorrindo.

Quando precisares de silêncio para pensares em alguém, lembra-te que nesse mesmo silêncio há alguém que pensa em ti!!!

Se és um vencedor, terás alguns falsos amigos e alguns inimigos verdadeiros. Vence assim mesmo.

Nunca deixes que as tristezas do passado e as incertezas do futuro estraguem as alegrias do presente.

Encara a realidade, não como gostarias que ela fosse mas como realmente ela é!!!

Sempre dizem que o tempo muda as coisas, mas quem tem que muda-lás és tu!!!

Receita da vida feliz: algo para fazer, alguém para amar e esperança no futuro.

Ninguém cometeu maior erro do que aquele que não fez nada só porque podia fazer muito pouco.

O amor não consiste em olhar um para o outro mas em olhar juntos na mesma direcção.

Ama quem te ama não ames quem te sorri pois quem te sorri engana e quem te ama chora por ti!!!

 

Quando encontrares uma pedra no teu caminho não a chutes, faz dela um degrau e sobe na vida! Vive de forma a que a tua presença seja notada, mas que a tua falta seja sentida.

O amor é como um telemóvel, encurta as distâncias e toca quando menos se espera.

Se choras porque não podes ver o sol as lágrimas não te deixarão ver as estrelas.

A vida é uma peça de teatro que não nos permite ensaiar, por isso dança, chora, ri, canta e vive intensamente antes que a cortina se feche e a peça de termine sem aplausos.

Só há duas maneiras de esquecer: de nenhum jeito e de jeito nenhum!!

Um sorriso alivia o cansaço, retempera as forças e é conforto nas tristezas. Por mim e por ti SORRI SEMPRE!!!

Pensar em ti faz com que os meus pensamentos se transformem em sorrisos de um momento para o outro.

As estrelas do céu correm todas em filinha assim correm os teus beijos da tua boca para a minha.

À porta da minha sogra há uma rosa amarela, gosot muito da minha sogra mas gosto mais do filho dela.

O amor é como um chupa chupa, quanto mais se chupa mais apetece chupar.

O amor é uma seta, lançada sem direcção, não tem elo nem meta só atinge o coração.

Meu bombom doce meu borracho fofinho quero que sejas o meu peluche e me dês muito carinho.

Na vida há coisas simples e importantes. Simples como sol e... importantes como tu... um dia posso esquecer-me do sol mas... já mais te esquecerei...

Se há coisa maravilhosa é um beijo poder dar é uma coisa tão gostosa que ninguém pode privar.

O verdadeiro amigo é aquele que não pode nada em troca, a não ser a própria amizade.

Há duas coisas a que temos que nos habituar, sob pena de acharmos a vida insuportavél: as injurias do tempo e as injustiças dos homens.

Para não fazeres ofensas e teres dias felizes, não digas tudo o que pensas mas pensa tudo o que dizes.

Cobarde não é aquele que chora por amor, mas sim aquele que não ama com medo de chorar!!

Não desanimes em frente de um obstaculo, pois o sol ao nascer dá o mais belo espectaculo e mesmo assim a maioria da plateia continua a dormir.

Por mais que uma árvore cresça nunca chegará à lua, por mais que um submarino desça nunca chegará ao fundo, por mais amizades que faça nunca esquecerei a tua.

Se a tua vida for lutar, vence. Se for amar. ama. Se a tua vida for ilusão, acorda. Mas se a tua felicidade depender da minha amizade, considera-te uma pessoa feliz!!!

você pode usar com borda ou sem borda .


Bébé Lili

Crazy Frog Axel F

Crazy Frog Champions

Crazy Frog Submarine

Terça-feira, 30 de Agosto de 2005

Eu te amo...

Eu te amo
Antes e depois de todos os acontecimentos
Na profunda imensidade do vazio
E a cada lágrima dos meus pensamentos.

Eu te amo
Em todos os ventos que cantam,
Em todas as sombras que choram,
Na extensão infinita do tempo
Até a região onde os silêncios moram.

Eu te amo
Em todas as transformações da vida,
Em todos os caminhos do medo,
Na angústia da vontade perdida
E na dor que se veste em segredo.

Eu te amo
Em tudo que estás presente,
No olhar dos astros que te alcançam
Em tudo que ainda estás ausente.

Eu te amo
Desde a criação das águas,
desde a idéia do fogo
E antes do primeiro riso e da primeira mágoa.
Eu te amo perdidamente

Desde a grande nebulosa
Até depois que o universo cair sobre mim
Suavemente.


Recadinho deixado por pestinha_girl às 21:46

link do post | Deixa recadinho | favorito
|
Segunda-feira, 29 de Agosto de 2005

Para ti Pedro...

am4.jpg
am1.jpg
am2.jpg
am3.jpg
am5.jpg
am6.jpg
am7.jpg
Recadinho deixado por pestinha_girl às 21:54

link do post | Deixa recadinho | favorito
|

Fé, Esperança e Amor


Um dia, a FÉ, a ESPERANÇA e o AMOR saíram pelo mundo para ajudar os aflitos. Quem das três, seria capaz de realizar o melhor trabalho para a glória de Deus?

A beira da estrada da vida encontraram um homem pobre que sofria com uma doença que o deixou paralítico desde nascença. Mendigava às almas caridosas a fim de sobreviver. Diante daquela situação, a FÉ tomou a frente da Esperança e do Amor para resolver o caso. Disse:

* Esperem aqui, vou realizar minha obra na vida daquele infeliz e tirá-lo daquela situação.

A FÉ trouxe ao homem a palavra de Deus e assim ela foi reproduzida no coração dele. Imediatamente aquele homem se rebelou contra aquela situação e usou a FÉ que tinha no coração para determinar sua cura e, no momento em que orava, seus ossos e juntos tornaram-se firmes.

Finalmente ficou de pé e saltou de alegria. Não precisava ficar mais a beira da estrada para mendigar e muito menos padecer todas as dores de antes.
Passadas algumas horas, o homem não tinha para onde ir. Nem casa, nem profissão, que lhe desse condições de se estabelecer na vida.

Neste momento a ESPERANÇA sentiu que era chegada a sua vez de trabalhar. Ela o levou para o alto da montanha e fez com que ele visse os férteis campos da terra. Desta maneira, foi mudando o seu coração e o homem entendeu que podia prosperar.

Movido pela força da ESPERANÇA, ele se pôs a caminho. Logo conseguiu um emprego, em uma fazenda próxima, e rapidamente aprendeu a cultivar a terra. Em pouco tempo, tinha juntado o suficiente para comprar seu próprio campo.

Com FÉ e ESPERANÇA, renovava suas forças a cada dia, e em poucos anos expandiu grandemente seus negócios. Suas colheitas eram exportadas em navio, alcançando portos de todo o mundo.

Ele tinha muitos empregados e se tornou o homem mais rico da terra. A FÉ e a ESPERANÇA estavam satisfeitas com o maravilhoso trabalho que haviam produzido na vida daquele homem.

Então disseram ao Amor:
* "Não te preocupes em realizar tua obra. Vês, que juntas, mudamos completamente a vida deste homem, fazendo-o forte e próspero".

Assim, o Amor partiu em busca de alguém a quem pudesse ajudar. O império daquele homem se expandia por todo o lado, de forma que eram tantas as casas que muitas delas nem sequer conhecia.

Viajou o mundo inteiro e nada mais havia que o surpreendesse. Mas com o passar do tempo o homem foi ficando triste e enfastiado.
* "Tenho tudo que um homem possa desejar" dizia ele, "mas ainda me sinto vazio".

A FÉ e a ESPERANÇA conversavam o que podiam fazer para torná-lo forte como antes? Ele agora não precisava do milagre da cura nem da Esperança para crer no sucesso do seu futuro, pois era muito rico.
Então as duas foram correndo em busca do AMOR para lhe pedir ajuda.
O AMOR voltou com elas e realizou sua obra no coração daquele homem.

Ao sentir AMOR, ele passou a entender Deus e a sua mais extraordinária obra. Surgiu a necessidade de ajudar outros com os mesmos problemas que os seus. A FÉ e a ESPERANÇA entenderam que embora suas obras tivessem sido de grandeza extraordinária... com o passar do tempo, sem AMOR, tudo perdia o sentido.

A FÉ é rápida.... a ESPERANÇA permanece por mais tempo, mas o
AMOR...NÃO ACABA NUNCA !!!

Recadinho deixado por pestinha_girl às 21:42

link do post | Deixa recadinho | favorito
|
Sábado, 27 de Agosto de 2005

Banda de ‘Morangos com Açúcar’ - D'ZRT

“Gostava de ser namorada do Tôpé”, confessa Tânia Silva, de 17 anos, antes do início de mais um concerto da digressão nacional dos D’ZRT, quarteto que se tornou um caso sério de popularidade junto da juventude portuguesa devido ao papel na telenovela ‘Morangos com Açúcar’.

Por onde quer que passe, a banda é recebida por milhares de jovens – dos quatro aos 14 anos, alguns acompanhados pelos pais – em histeria: são horas de espera para ‘arrancar’ dos seus ídolos um autógrafo, uma fotografia ou um contacto mais pessoal. Isso mesmo foi testemunhado pelo CM um destes dias, nas Caldas da Rainha, num dos 27 espectáculos que o grupo tem marcados para este mês.

Andreia Abreu, de 12 anos, queria “um autógrafo e um beijinho”, sobretudo do Tôpé, que classifica de “giro”. Tânia, que gostaria de ser namorada do Tôpé, avança sem vergonha: “Era capaz de lho dizer cara a cara e pode ser que ele se decida e venha morar para as Caldas!”.

Mas chegar à conversa com os quatro D’ZRT não é tarefa fácil. São centenas os fãs (raparigas e rapazes) que tentam romper as barreiras da organização, mas só os mais resistentes serão contemplados.

Cristiano Fialho, de 12 anos, levou consigo um poster para ser assinado. “Eles têm estilo e as músicas são fixes”, considera, para realçar o gosto pelo “penteado do Zé Milho”. Henrique José, de 14, é outro rapaz que não esconde a sua preferência pelo grupo. “Identifico-me com o Tôpé, porque o acho o mais divertido”, indica, vincando que não tem “medo em dizer” que gosta da música da banda só porque é rapaz”.

Mas são as raparigas quem fazem mais barulho. Gritam, saltam e levantam os braços à espera do início do concerto. Espera durante a qual o animador de palco testa quem faz mais barulho – elas ou eles, que vencem de forma folgada.

E quando Angélico (David na novela), Vítor (Zé Milho), Edmundo (Ruca) e Vintém (Tôpé) entram em palco, é o delírio. Entre os primeiros temas interpretados está ‘Para Mim Tanto Faz’, o hino dos D’ZRT, que deixa os adolescentes cativados. ‘Quem Eu Quero P’ra Mim’ e ‘Querer Voltar’, músicas românticas feitas à medida dos sonhos dos jovens, completa o alinhamento de um espectáculo feito de momentos altos, onde pelo meio, a banda apresenta versões de êxitos de bandas como Black Eyed Peas ou Evanescence.

O jogo de cintura dos quatro elementos do grupo e Angélico a despir a t-shirt que deixa ver o tronco nu entusiasmam as fãs e os próprios cantores, que reconhecem que o concerto está a ser “uma ganda desbunda”.

No final, Vítor confessa ao CM que o espectáculo “foi brutal!”. “O público estava connosco e isso basta para pormos 300 por cento em cima do palco. Puxou por nós, cantou as músicas, foi bombástico”.

É também Vítor quem dá um dos últimos autógrafos da noite, já madrugada, a uma fã que ostenta o cartaz com os dizeres: “Zé Milho, faz-me um filho”.

'MORANGOS' SÓ COM DOIS

As gravações de ‘Morangos com Açúcar’ vão continuar mais seis meses e na próxima série apenas dois dos D’ZRT vão ter um papel activo: Tôpé e Zé Milho que, segundo a história, chumbam o ano e permanecem no Colégio da Barra, onde se desenrola a acção. Ruca e David, como passaram de ano, vão para um Conservatório e deixam de fazer parte do enredo.

“Não digo que não voltemos, porque na novela a banda continua. Mas para nós dois (Ruca e David) há outros projectos na área da representação”, explicou ao CM Edmundo Vieira (Ruca), reconhecendo que tem sido “complicado” conciliar as gravações com os concertos. “O físico vai acabar por ceder, mas temos estado a aguentar de pé. Após os concertos, fazemos sessões de autógrafos, damos entrevistas.

Às 08h00, estamos a caminho do estúdio de onde só saímos às 20h00, para percorrer muitos quilómetros até ao local dos espectáculos. Muitas vezes dormimos na carrinha, outras dormimos uma hora no quarto de hotel, se tivermos tempo, ou encostamo-nos num sofá a descansar antes das gravações”, relatou.

100 MIL DISCOS

Desde que foi editado, em Maio, o álbum de estreia do grupo já vendeu cerca de 100 mil exemplares, o que corresponde a cinco discos de platina, e lidera há 15 semanas o ‘top’ nacional de vendas. Enquanto não é gravado o próximo, com edição prevista para 2006, a banda vai lançar o single – a escolha recairá entre ‘Percorre O Meu Sonho’ ou ‘Caminho A Seguir’. Em Dezembro, será editado o DVD a gravar nos concertos de 1 e 2 de Outubro, no Coliseu de Lisboa.
Francisco Gomes, Leiria

Fonte: Correio da manhã
Recadinho deixado por pestinha_girl às 20:40

link do post | Deixa recadinho | Ver recadinhos (1) | favorito
|
Quinta-feira, 25 de Agosto de 2005

...

gif111.gif
Recadinho deixado por pestinha_girl às 15:15

link do post | Deixa recadinho | favorito
|

Com a justiça em Portugal, talvez resulte...

No outro dia, quando me ia deitar, notei que havia pessoas dentro da minha garagem, a roubar coisas. Eu liguei para a polícia, mas disseram-me que não havia ninguém por perto para ajudar, mas que iriam mandar alguém assim que fosse possível. Eu desliguei. Um minuto depois liguei de novo:

- Olá - disse eu - Eu liguei há bocado porque estavam pessoas na minha garagem. Já não é preciso virem depressa, porque eu matei-os. Passados alguns minutos, estavam meia dúzia de carros da polícia na área, uma ambulância e uma unidade do Inem. Eles apanharam os ladrões em flagrante.
Um dos polícias disse:
- Pensei que tivesse dito que os tinha morto!
Ao que eu respondi:
- Pensei que me tivesse dito que não havia ninguém disponível.

Fonte: desconhecido
Recadinho deixado por pestinha_girl às 15:09

link do post | Deixa recadinho | favorito
|
Quinta-feira, 18 de Agosto de 2005

A indústria dos incêndios

www.sic.pt

A evidência salta aos olhos: o país está a arder porque alguém quer que ele
arda. Ou melhor, porque muita gente quer que ele arda. Há uma verdadeira
indústria dos incêndios em Portugal. Há muita gente a beneficiar, directa ou
indirectamente, da terra queimada.

Oficialmente, continua a correr a versão de que não há motivações económicas
para a maioria dos incêndios. Oficialmente continua a ser dito que as
ocorrências se devem a negligência ou ao simples prazer de ver o fogo. A
maioria dos incendiários seriam pessoas mentalmente diminuídas.

Mas a tragédia não acontece por acaso. Vejamos:

1 - Porque é que o combate aéreo aos incêndios em Portugal é TOTALMENTE
concessionado a empresas privadas, ao contrário do que acontece noutros
países europeus da orla mediterrânica?

Porque é que os testemunhos populares sobre o início de incêndios em várias
frentes imediatamente após a passagem de aeronaves continuam sem
investigação após tantos anos de ocorrências?

Porque é que o Estado tem 700 milhões de euros para comprar dois submarinos
e não tem metade dessa verba para comprar uma dúzia de aviões Cannadair?

Porque é que há pilotos da Força Aérea formados para combater incêndios e
que passam o Verão desocupados nos quartéis?

Porque é que as Forças Armadas encomendaram novos helicópteros sem estarem
adaptados ao combate a incêndios? Pode o país dar-se a esse luxo?

2 - A maior parte da madeira usada pelas celuloses para produzir pasta de
papel pode ser utilizada após a passagem do fogo sem grandes perdas de
qualidade. No entanto, os madeireiros pagam um terço do valor aos produtores
florestais. Quem ganha com o negócio? Há poucas semanas foi detido mais um
madeireiro intermediário na Zona Centro, por suspeita de fogo posto.
Estranhamente, as autoridades continuam a dizer que não há motivações
económicas nos incêndios...

3 - Se as autoridades não conhecem casos, muitos jornalistas deste país,
sobretudo os que se especializaram na área do ambiente, podem indicar
terrenos onde se registaram incêndios há poucos anos e que já estão
urbanizados ou em vias de o ser, contra o que diz a lei.

4 - À redacção da SIC e de outros órgãos de informação chegaram cartas e
telefonemas anónimos do seguinte teor: "enquanto houver reservas de caça
associativa e turística em Portugal, o país vai continuar a arder". Uma
clara vingança de quem não quer pagar para caçar nestes espaços e pretende o
regresso ao regime livre.

5 - Infelizmente, no Norte e Centro do país ainda continua a haver incêndios
provocados para que nas primeiras chuvas os rebentos da vegetação sejam mais
tenros e atractivos para os rebanhos. Os comandantes de bombeiros destas
zonas conhecem bem esta realidade.

Há cerca de um ano e meio, o então ministro da Agricultura quis fazer um
acordo com as direcções das três televisões generalistas em Portugal, no
sentido de ser evitada a transmissão de muitas imagens de incêndios durante
o Verão. O argumento era que, quanto mais fogo viam no ecrã, mais os
incendiários se sentiam motivados a praticar o crime...

Participei nessa reunião. Claro que o acordo não foi aceite, mas
pessoalmente senti-me indignado. Como era possível que houvesse tantos
cidadãos deste país a perder o rendimento da floresta - e até as
habitações - e o poder político estivesse preocupado apenas com um aspecto
perfeitamente marginal?

Estranhamente, voltamos a ser confrontados com sugestões de responsáveis da
administração pública no sentido de se evitar a exibição de imagens de todos
os incêndios que assolam o país.

Há uma indústria dos incêndios em Portugal, cujos agentes não obedecem a uma
organização comum mas têm o mesmo objectivo - destruir floresta porque
beneficiam com este tipo de crime.

Estranhamente, o Estado não faz o que poderia e deveria fazer:

1 - Assumir directamente o combate aéreo aos incêndios o mais rapidamente
possível. Comprar os meios, suspendendo, se necessário, outros contratos de
aquisição de equipamento militar.

2 - Distribuir as forças militares pela floresta, durante todo o Verão, em
acções de vigilância permanente. (Pelo contrário, o que tem acontecido são
acções pontuais de vigilância e combate às chamas).

3 - Alterar a moldura penal dos crimes de fogo posto, agravando
substancialmente as penas, e investigar e punir efectivamente os infractores

4 - Proibir rigorosamente todas as construções em zona ardida durante os
anos previstos na lei.

5 - Incentivar a limpeza de matas, promovendo o valor dos resíduos, mato e
lenha, criando centrais térmicas adaptadas ao uso deste tipo de combustível.

6 - E, é claro, continuar a apoiar as corporações de bombeiros por todos os
meios.

Com uma noção clara das causas da tragédia e com medidas simples mas
eficazes, será possível acreditar que dentro de 20 anos a paisagem
portuguesa ainda não será igual à do Norte de África. Se tudo continuar como
está, as semelhanças físicas com Marrocos serão inevitáveis a breve prazo.

José Gomes Ferreira
Recadinho deixado por pestinha_girl às 11:44

link do post | Deixa recadinho | favorito
|